Solidariedade

Os compromissos e as obrigações do dia a dia ocupam nossa rotina de tal forma que às vezes mal olhamos o que acontece ao nosso lado. Só enxergamos o que queremos ver, o que é de nosso interesse, sem nos preocuparmos com o que acontece ao redor e sem fazermos ideia de oquanto pequenas ações de solidariedade fazem uma enorme diferença na vida de muita gente.

Foi a partir dessa ideia de solidariedade que surgiu a RecomeçAR/RJ (Associação de Pacientes com Doenças Reumáticas do Estado do Rio de Janeiro). Célia Maria, a presidente da associação, é portadora de Artrite Reumatoide juvenil desde 11 anos de idade e conheceu Cátia Figueiredo, que também é portadora da mesma doença, através de um grupo de pacientes no Orkut, durante suas gestações. “Nós firmamos uma amizade no pré natal do Hospital Pedro Ernesto e, com nascimento das crianças, trocávamos experiências quase  todo dia e surgiam assuntos relacionados à doença e da  falta de um grupo de pacientes”, conta Célia.

Justamente pensando na falta de um grupo (de pacientes) para ajudar e orientar sobre a doença que Célia e Cátia criaram um no Facebook. Através dele, com o tempo, foram surgindo oportunidades de realizar reuniões com profissionais da área da saúde, com o objetivo de ajudar e informar esses pacientes. Há quase um ano, esse grupo do Facebook se tornou a RecomeçAR/RJ, que tem por finalidade buscar a melhoria da qualidade de vida dos portadores de doenças reumáticas.

“Nós realizamos na associação trabalhos de socialização e conscientização, eventos mensais com palestrantes experientes em doenças reumáticas, tudo isso buscando o emponderamento dos pacientes”, conta Cátia, a vice-presidente da RecomeçAR/RJ. A associação conta com a participação de médicos, psicólogos, dentistas e advogados, todos contribuindo para uma melhor qualidade de vida, rompendo as barreiras da burocracia ao acesso aos direitos adquiridos aos tratamentos eficazes das doenças crônicas.

Esse bonito projeto hoje auxilia muitos pacientes, levando informações e novidades sobre a doença, alertando sobre seus direitos e tratamentos, buscando manter o paciente informado sobre todo o universo das doenças crônicas. A solidariedade de duas mulheres guerreiras com a vida do seu semelhante, com doenças reumáticas em atividade e com o sonho de ajudarem mais pessoas com essas mesmas dificuldades, a lutar e superar as barreiras que são impostas a um paciente reumático.

Ninguém avança sozinho, precisamos uns dos outros. Assim como a história da Célia e da Cátia com a RecomeçAR/RJ, a solidariedade ensina a dar as mãos, é auxilio mútuo, um reparte de conhecimentos e experiências que faz toda diferença na nossa sociedade. A solidariedade nos motiva ao melhor, a viver com união e menos sofrimento. Despertar o sentimento de amor ao próximo dentro de si e torná-lo constante é uma virtude que gera uma enorme e bonita corrente do bem.

“Nós queremos usar a nossa voz através dessa associação para divulgar nossos direitos, para mostrar que a vida continua mesmo com AR. Essa doença muda completamente a maneira de pensar, agir, fazer atividades e nossa associação tenta ajudar os pacientes a justamente RecomeçAR a viver essa nova vida, respeitando suas limitações sim, mas com muita força, esperança e felicidade também, porque é dessa maneira que se vence os duros obstáculos pelo caminho”, conclui Célia.

Serviço: Associação RecomeçAR/RJ
Presidente do RecomeçAR/RJ: Célia Silva - (21) 991883513
Site: http://www.recomecarrj.com.br
Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Pin It