Evento terá aulas teóricas e práticas e cirurgias com transmissão simultânea aos participantes

Evento promovido pelo Centrinho, da USP, em Bauru, é voltado a cirurgiões plásticos e bucomaxilofaciais

O Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC/Centrinho) da Universidade de São Paulo (USP), em Bauru, promove, de 25 a 27 de maio, o 1º Workshop de Cirurgias Primárias, com o objetivo de discutir técnicas cirúrgicas e buscar os melhores resultados na reabilitação das fissuras labiopalatinas.

O evento é voltado a cirurgiões plásticos e cirurgiões bucomaxilofaciais, com aulas teóricas e práticas, discussões e cirurgias com transmissão simultânea aos participantes.

Serão debatidos procedimentos como labiorrinoplastia (cirurgia plástica de nariz durante a reparação primária do lábio), queiloplastia primária com cicatriz linear (cirurgia para correção labial) e enxerto ósseo em fissura alveolar (cirurgia que corrige o defeito ósseo na região da gengiva).

Entre os principais especialistas no tratamento das fissuras labiopalatinas convidados estão Celso Luiz Buzzo, cirurgião plástico do Hospital Sobrapar, de Campinas, e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e da Associação Brasileira de Cirurgia Craniomaxilofacial; Henrique Pessoa Ladvocat Cintra, cirurgião plástico, professor do curso de Pós-Graduação em Cirurgia Plástica da PUC-Rio e membro titular da SBCP; e Renato da Silva Freitas, cirurgião plástico e craniofacial do Centro de Atendimento Integral ao Fissurado Labiopalatal (CAIF), de Curitiba, no Paraná, e coordenador da Disciplina e do Serviço de Cirurgia Plástica da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

As inscrições promocionais para o evento serão recebidas até o dia 15 de maio, pelo site www.centrinho.usp.br/eventos/info. As vagas são limitadas.

O workshop será realizado no Anfiteatro do Hospital Centrinho-USP, localizado na Rua Sílvio Marchione, 3-20, Vila Universitária, Bauru (SP).

Mais informações pelo telefone (14) 3235-8437 ou e-mail This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it..

Agência FAPESP

Pin It