legisladores brasileiros

O Projeto Temático “Instituições políticas, padrões de interação executivo-legislativo e capacidade governativa” oferece uma Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP para pesquisa sobre representação política e polarização legislativa no Brasil. O prazo de inscrição termina no dia 28 de setembro de 2019.

As atividades serão exercidas no Núcleo de Instituições Políticas e Eleições, vinculado ao Centro Brasileiro de Pesquisa e Planejamento (Cebrap), sob a coordenação do professor Fernando Limongi.

O projeto investiga como as preferências do eleitorado são levadas em conta por políticos quando eles precisam tomar decisões. A pesquisa deve testar de forma sistemática como a polarização do eleitorado afeta o comportamento dos partidos e dos legisladores brasileiros.

As tarefas específicas do pós-doutorando incluem a preparação de relatórios, a construção de base de dados, a participação em conferências e atividades coletivas do projeto, realização de minicursos para os integrantes do projeto e a elaboração de manuscritos para publicação.

Os interessados devem encaminhar um e-mail intitulado “Bolsa Pós-Doutorado” para This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.. A mensagem deve conter os seguintes documentos: currículo Lates, histórico escolar de pós-graduação completo, certificado de conclusão do doutorado e projeto de pesquisa.

O processo de seleção se dará em duas fases. A primeira consiste em análise dos documentos entregues pelos candidatos. Os aprovados serão convocados para uma entrevista na segunda etapa da avaliação, no dia 4 de outubro de 2019. Candidatos residentes fora de São Paulo poderão requisitar a realização da entrevista via Skype.

Mais informações sobre a vaga em: www.fapesp.br/oportunidades/3133.

A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.

Agência FAPESP

Este texto foi originalmente publicado por Agência FAPESP de acordo com a licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. Leia o original aqui.

Pin It