laboratório de pesquisa

O Projeto Temático “Estratégia integrada para o estudo de agentes infecciosos causadores de doenças emergentes e/ou negligenciadas transmitidas por vetores de impacto global” dispõe de uma Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP. O prazo de inscrição vai até 15 de setembro de 2019.

O candidato selecionado participará do subprojeto “Impacto das infecções por Trypanosoma vivax na travessia/rompimento da barreira hematoencefálica em sistemas murinos”, na Plataforma Científica Pasteur da Universidade de São Paulo (USP)

O principal objetivo do subprojeto consiste em desenhar o processo de comprometimento cerebral por Trypanosoma vivax e as consequências funcionais/letais decorrentes do processo de infecção, em especial das principais lesões histopatológicas do cérebro, formando uma base de estudos focados na neuroinflamação e na ruptura da barreira hematoencefálica.

A pesquisa servirá de base para a interface com outros subprojetos do estudo temático envolvendo infecções com clones do vírus zika modificados por genes repórteres para análise do processo infeccioso in vitro e in vivo por imagiologia 2D e 3D.

O bolsista vai investigar a interação de microrganismos patogênicos que afetam animais e humanos com hospedeiros experimentais por meio de estudos de imagens em tempo real não invasivas.

O candidato deve ter experiência prévia em parasitologia e/ou virologia, técnicas em imunologia, microscopia, biologia molecular e celular. Serão priorizados os candidatos que tenham proficiência em inglês e francês.

Os interessados devem enviar carta de apresentação, curriculum vitae ou currículo Lattes e duas cartas de recomendações para a coordenadora do projeto, Paola Minoprio (This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.).

Mais informações sobre a vaga em: www.fapesp.br/oportunidades/3049.

A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.

Agência FAPESP

Este texto foi originalmente publicado por Agência FAPESP de acordo com a licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. Leia o original aqui.

Pin It