metabolismo

O Projeto Temático “Sepse: Mecanismos, Alvos Terapêuticos e Epidemiologia”, conduzido na Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), oferece uma vaga de pós-doutorado com bolsa da FAPESP. O prazo de inscrição termina em 22 de agosto de 2019.

O bolsista vai atuar no subprojeto “Análise do transcriptoma e proteoma de células periféricas do sangue de pacientes com sepse, com foco na regulação do metabolismo energético e resposta imune”. Além disso, ele deve dar suporte à coleta de dados, contribuir para o desenvolvimento da pesquisa e redigir relatórios e artigos científicos.

Os candidatos devem ter título de doutor e ser altamente motivados, criativos e produtivos. Um bom histórico de publicações e conhecimentos de bioinformática são importantes para a oportunidade. É desejável experiência com técnicas de biologia molecular, genômica e proteômica.

Os interessados devem enviar e-mail para o coordenador do projeto, o professor Reinaldo Salomão (This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.), com currículo Lattes, carta de interesse com um breve relato de sua experiência e informações (nome, instituição de origem e contato) de dois pesquisadores de referência.

Mais informações sobre a vaga em: www.fapesp.br/oportunidades/3052.

A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.

Agência FAPESP

Este texto foi originalmente publicado por Agência FAPESP de acordo com a licença Creative Commons CC-BY-NC-ND. Leia o original aqui.

Pin It