Clima e Gestao do Territorio

O ivro "Clima e Gestão do Território' será lançado oficialmente dia 27 de outubro durante o Simpósio Brasileiro de Climatologia em Goiânia, GO.

A obra é organizada por João Lima Sant’Anna Neto, Margarete C. de C. Trindade Amorim, ambos professores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Unesp de Presidente Prudente, e Charlei Aparecido da Silva, da Universidade Federal da Grande Dourados.

Conteúdo dos capítulos:

Capítulo 1. Geoindicadores urbanos para o estudo dos processos termodinâmicos do clima das cidades de pequeno e médio porte - João Lima Sant’Anna Neto; Camila Riboli Rampazzo

Capítulo 2. Análise da temperatura do ar e dos alvos: uma contribuição aos estudos de clima urbano - Margarete Cristiane de Costa Trindade Amorim

Capítulo 3. Estudos e técnicas de pesquisa de clima urbano com foco no subsistema físico-químico, novos instrumentos, novas possibilidades - Charlei Aparecido da Silva

Capítulo 4. Geotecnologias e indicadores socioambientais: análise da temperatura da

superfície para avaliar a qualidade ambiental urbana - Valéria Lima

Capítulo 5. A apropriação e legitimação das mudanças climáticas como um problema ambiental pela mídia e suas implicações na gestão do território - Paulo Cesar Zangalli Junior

Capítulo 6. Dinâmica pluviométrica e impacto das chuvas no estado do Paraná: a natureza dos eventos extremos - Lindberg Nascimento Júnior

Capítulo 7. Sobre formas e processos na gênese das chuvas no município do Rio de Janeiro - Núbia Beray Armond

Capítulo 8. Eventos extremos de chuva na cidade de São Paulo - Iury Tadashi Hirota Simas

Capítulo 9. Análise de impactos deflagrados pela precipitação em São Carlos/SP: uma abordagem através da mídia impressa - Altieres Porfírio Lima

Capítulo 10. Regime pluviométrico: uma abordagem têmporo-espacial das chuvas na bacia hidrográfica do Rio Ivinhema-MS - Elisandra Carolina Almeida Martins de Souza

Capítulo 11. Regime e excepcionalidades pluvias na microrregião de dourados:  apontamentos para uma geografia do clima - Heverton Schneider

Capítulo 12. O complexo da soja face à variabilidade das chuvas - Vinicius Carmello

Capítulo 13. Ilhas de calor em Assis, Cândido Mota, Maracaí e Tarumã/SP - Gislene Figueiredo Ortiz; Felipe Fernández García; Margarete Cristiane da Costa Trindade Amorim

Capítulo 14. O campo térmico de Araçatuba-SP em episódios de inverno: considerações sobre o clima urbano e o planejamento - Cíntia Minaki

Capítulo 15. Avaliação do risco climático no estado do Rio Grande do Sul a partir da  repercussão dos eventos climáticos extremos - Renata Dias Silveira

Capítulo 16. As temperaturas em cidades paulistas: análise das tendências e rupturas nos padrões térmicos - Karime Pechutti Fante

Capítulo 17. A qualidade do ar de dourados (MS): uma contribuição aos estudos de clima urbano com foco no canal físico-químico - Vladimir Aparecido dos Santos

Capítulo 18. Elementos climáticos e indicadores de doenças respiratórias na UPG Ivinhema: um enfoque para os municípios de Dourados, Ivinhema e Ponta Porã no período de 2002 a 2011 - Sérgio Costa Pinto Júnior

Organizadores

João Lima Sant’Anna Neto é professor titular do Depto. de Geografia da Unesp/FCT - Presidente Prudente, onde leciona desde 1989. É bacharel e licenciado em geografia pela USP (1980 e 1982), mestre e doutor em geografia física pela USP (1990 e 1995), livre docente e professor titular em climatologia pela UNESP (2001 e 2008). Realizou estágio de pesquisa nas universidades de Coimbra e Porto (Portugal), Rovira i Virgili, Barcelona (Espanha) e Rennes (França). É pesquisador do CNPq, atuando nas áreas de geografia do clima e climatologia geográfica, principalmente nas temáticas sobre o clima urbano e regional. É autor (e coautor) de vários livros, entre eles: Pantanal (Ática), Os climas das cidades brasileiras (PPGG/UNESP), Public policy, mitigation and adaptation to climate change in South America (e-book: IEA/USP), O Tempo e o Clima de Presidente Prudente (UNESP/SABESP), Geografia em Movimento (Expressão Popular) e Climatologia Urbana e Regional (Outras Expressões). É membro do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas.

Margarete Cristiane de Costa Trindade Amorim é licenciada, bacharel (1989) e mestre (1994) em geografia pela UNESP/FCT — Presidente Prudente. Realizou o doutorado em geografia (geografia física) pela FFLCH da Universidade de São Paulo, Brasil (2000). Estágio na Université de Rennes-2, França (2007) e pós-doutorado pela Universidade do Porto (2008/2009). Professora assistente doutor da UNESP/FCT, onde orienta no mestrado e doutorado no programa de pós-graduação em geografia da UNESP/FCT - Presidente Prudente. Atuação em geografia física, com ênfase nos seguintes temas: clima urbano e qualidade ambiental urbana. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq.

Charlei Aparecido da Silva é Geógrafo. Doutor em Geografia. Docente e pesquisador do Curso de Graduação em Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal da Grande Dourados nos níveis de mestrado e doutorado. Coordenador do LGF (Laboratório de Geografia Física). Atuou como Diretor Presidente da ABClima (Associação Brasileira de Climatologia – Gestão 2012-2014) e Diretor Tesoureiro da ANPEGE (Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Geografia – Gestões 2011/2013 e 2014/2015). Tem como linha de pesquisa Climatologia Geográfica, Planejamento Ambiental e Dinâmica Territorial. Entre suas obras estão os livros “Geografia e Natureza: experiências e abordagens de pesquisa” e “Concepções e Ensaios da Climatologia Geográfica”.

Portal Unesp

Pin It