Print
Category: Artes Plásticas
Bruno Baptistelli – Narrativas cotidianas

Exposição 'Narrativas Cotidianas', de Bruno Baptistelli, com curadoria de Tomás Toledo, estará aberta à visitação na Galeria Fayga Ostrower, de 28 de maio a 12 de julho

No dia 28 de maio, quinta-feira, às 19h, será aberta a exposição Narrativas Cotidianas, individual de Bruno Baptistelli, na Galeria Fayga Ostrower, no Complexo Cultural Funarte Brasília. O projeto foi contemplado com Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2014 – Atos Visuais Funarte Brasília. A mostra de fotografia, pintura e design estará aberta à visitação pública até dia 12 de julho, de segunda-feira a domingo, das 9h às 21h, com entrada gratuita.

Com curadoria de Tomás Toledo, a exposição apresenta trabalhos que Baptistelli produziu após uma viagem de pesquisa a Brasília. Nela, o artista investigou as relações entre a cidade e sua expressão através de imagens, que revelam também sua imaginação e a do espectador. A “mostra-instalação” é articulada em diversas plataformas, de acordo com as diversas linguagens. Elas colocam em evidência o espaço da Galeria Fayga Ostrower, a cidade de Brasília e os elementos que as constituem, tais como arquitetura, urbanismo, contexto social e político e história – narrada a partir de imagens relacionadas à construção da capital. Na exposição o repertório do artista confronta o imaginário de Brasília com a experiência real de vivenciar o local. “Dessa forma, abre-se espaço para criação de novas perspectivas imagéticas, que dialogam, ao mesmo tempo, com a história da iconografia da capital brasileira e com a situação atual da cidade”, acrescenta Baptistelli.

A proposta de curadoria da exposição é baseada na elaboração em conjunto do projeto de exposição, pelo artista e pelo curador; bem como no acompanhamento do processo de criação. Bruno Baptistelli, e Tomás Toledo fizeram a viagem de pesquisa a Brasília simultaneamente. Isso possibilitou uma eixo comum para o desenvolvimento da mostra. Porém, essa base mantém as distinções de perspectivas do autor e do curador a respeito da cidade.

Sobre o artista
Bruno Baptistelli nasceu em 1985, em São Paulo, onde vive e trabalha. Formado em Artes Visuais pela Universidade Estadual de Campinas- Unicamp. Entre os anos de 2007 e 2010 formou, com Gustavo Pra frente, a dupla Bebaprafrente e atuando principalmente entre Campinas e Curitiba. Em 2010, retornou à capital paulista. Continuou sua pesquisa e produziu trabalhos, em sua maioria, de montagem e contexto específicos. Baptistelli trabalha com a “criação e a evidenciação de espaços”, processo que tem como base a localização geográfica da pesquisa, seus espaços e suas diversas relações, mediadas pela imagem que esses lugares têm na sociedade. Dentre suas últimas exposições destacam-se: Taipa-Tapume (Oficina Oswald) – Galeria Leme, São Paulo, 2014; 9º Abre Alas – Galeria Gentil Carioca, Rio de Janeiro, 2013; 2 – Galeria Pilar, São Paulo, 2013 (individual);Volar, Galeria del Infinito, Buenos Aires, Argentina, 2012; Programa de Exposições 2011 – Centro Cultural São Paulo (CCSP), São Paulo, 2011 (individual); Portas Abertas - Workshop Mona Hatoum – Santander, Espanha, 2011.

Sobre o curador
Tomás Toledo nasceu em São Paulo, em 1986. Vive e trabalha na cidade. Formado em Filosofia pela PUC-SP, é curador e pesquisador de arte. Entre 2009 e 2013, atuou como coordenador da programação de cursos e atividades culturais da Escola São Paulo, onde organizou e produziu exposições de artistas como Thomas Hirschhorn, Janine Antoni e Paul Ramirez Jonas. Participou do PIESP 2013-14, programa de formação de artistas e curadores, com direção de Adriano Pedrosa, co-dirigido por Ana Paula Cohen. Realizou as seguintes curadorias: Exposição PIESP 2013-14, Casa Povo, São Paulo, 2014; Taipa-Tapume, Galeria Leme, São Paulo, 2014; HeistFilmsEntertainment (individual de Gustavo von Ha), MON – Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, 2014; O enunciado em questão, Laboratório Curatorial da SP Arte 2013, São Paulo, 2013; Espaço urbano, Escola São Paulo, São Paulo, 2009. Atualmente, é assistente de curadoria do MASP.

Exposição

Narrativas Cotidianas
Projeto contemplado com o Prêmio Funarte de Arte Contemporânea 2014- Atos Visuais Funarte Brasília

Abertura: 28 de maio (quinta-feira), às 19h
Visitação: 29 de maio a 12 de julho de 2015 (segunda-feira a domingo), das 9h às 21h
Entrada franca

Galeria Fayga Ostrower
Complexo Cultural Funarte Brasília
Eixo Monumental, Setor de Divulgação Cultural – Brasília (DF)
(entre a Torre de TV e o Centro de Convenções)
Mais informações
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Tels.: (61) 3322 2076 / 3322 2029