Artes Plásticas

Crianças do Espaço Girassol

Estudantes da Comunidade São Remo, vizinha ao campus no bairro Butantã, semanalmente participam de visitas ao MAE, MAC e MAV

Aos olhos de uma criança, tudo pode ser uma fonte de descoberta. Para os museus, essa curiosidade é uma forma de aprender. Um projeto busca criar uma ponte de conhecimento entre os moradores do bairro vizinho ao campus da USP, no Butantã, e três dos museus mantidos pela USP.

Chamado de Integrando a Comunidade São Remo com Museus da USP: o patrimônio cultural, natural e artístico numa perspectiva conjunta de aprendizagem, a ação reúne a comunidade São Remo e os Museus de Arqueologia e Etnologia (MAE), de Anatomia Veterinária (MAV) e de Arte Contemporânea (MAC)

Outro Mundo

O artista visual Fabio Benetti inaugura a exposição Amor Profano, no dia 4 de outubro (sexta, às 19h), no Lounge do Tucarena, com curadoria de Iago Calegari.

A temática da mostra está em consonância com o enredo da peça teatral de mesmo nome, em cartaz no local, com os atores Vivianne Pasmanter e Marcello Airoldi. Além das sete telas expostas, duas integram o cenário do espetáculo, de Motti Lerner, com direção de Einat Falbel.

Os confrontos a que estamos sujeitos, entre tradição e contemporaneidade, ancestralidade e fé, foram motes para as obras de Fabio Benetti, que dialogam com a dramatugia da peça Amor Proano, trazendo a expressividade das manifestações inconscientes. As telas, que integram a

Exposição Refugiados

“REFUGIADOS “

GILENO FÉLIX, é um operário das artes: faz versos, faz música, toca instrumento (bateria), pinta quadros, advoga, cozinha moqueca, feijoada e maniçoba , corta pano como um preciso alfaiate para ornar o corpo de linho branco da sua companheira. É laborioso. Escreveu livro (“O trem, a cidade, o cordel”); escreve contos, novelas, canções, estórias. É criativo: reinventa a vida!

Agora, com o artista plástico DAURI DIOGO, divide a exposição “Refugiados “, mantendo o movimento das velas que cruzam a Barra do Paraguaçu, o balançar dos saveiros do recôncavo baiano, a vida do pescador e das marisqueiras de sua terra-mãe, Salinas da Margarida, agrega temática social com o testemunho do sofrimento das massas deserdadas

Miriam Nigri Schreier

São mais de trinta anos de atividade profissional. Mas Miriam Nigri Schreier continua em plena atividade criativa, e com a mesma energia da juventude. Em 7 de Agosto ela abre nova exposição individual, desta vez no espaço da Pinacoteca Benedicto Calixto, em Santos.

A mostra, que estará aberta a visitação até 22 de Setembro, apresenta um instigante conjunto de trinta e três trabalhos, metade deles produzidos nos três últimos anos. Estão reunidos sob o sugestivo título Cidades imaginárias, revelador da temática urbana que perpassa toda a obra recente da artista. A curadoria é de Carlos Zibel e Antônio Carlos Cavalcanti.

Predileção pelo vermelho – Como se vê na exposição Cidades imaginárias, o trabalho de Miriam

Em Diálogo

Projeto premiado pela Funarte é resultado do trabalho conjunto da fotógrafa Ana Angélica Costa e da performer Mariana Vilela

Duas artistas que têm se destacado na cena contemporânea, a fotógrafa Ana Angélica Costa e a performer Mariana Vilela apresentam, a partir de abril, na Casa de Eva, em Campinas (SP), a exposição Em Diálogo. A mostra, contemplada no Prêmio Funarte Artes Visuais – Periferia e Interiores, é resultado do trabalho conjunto feito pelas artistas. Com uma câmera artesanal analógica de longa exposição, Ana capturou diversas performances realizadas nos últimos meses por Mariana.

A exposição inclui também um vídeo sobre o processo criativo das artistas e conta um pouco das surpresas dessa produção. A abertura é

Assédio - Obra de Fábio Benetti

Com curadoria de Iago Calegari, a mostra traz o diálogo entre as obras dos dois artistas.

Os artistas visuais Angela Fernandes & Fabio Benetti inauguram a exposição conjunta Inferno de Nós, no dia 3 de agosto, sábado, na Passagem Literária da Consolação, às 16 horas. A mostra - que fica em cartaz até o dia 4 de outubro - tem curadoria assinada por Iago Calegari.

A visitação é livre, sem cobrança de ingressos, uma ótima oportunidade de conhecer o inusitado espaço cultural subterrâneo que fica na esquina da Avenida Paulista com a Rua da Consolação.

Inferno de Nós reúne 14 obras que, segundo o curador, buscam expor o complexo diálogo entre os dois artistas: embora apresentem diferentes

Briozoários

Imagem dos animais marinhos ganhou primeiro lugar em uma das categorias do Prêmio de Fotografia – Ciência & Arte do CNPq

A pós-graduanda Karine Bianca Nascimento, do Centro de Biologia Marinha (Cebimar) da USP, ganhou o primeiro lugar na categoria Imagens Produzidas por Instrumentos Especiais (Ópticos, Eletromagnéticos e Eletrônicos) da oitava edição do Prêmio de Fotografia – Ciência & Arte do CNPq.

A premiação foi criada em 2011 e tem como principal objetivo incentivar a produção de imagens relacionadas à temática de Ciência, Tecnologia e Inovação. Nas sete edições anteriores, 60 trabalhos oriundos de todas as regiões do Brasil foram premiados.

A imagem, intitulada pela autora como Briozoários: esculturas oceânicas em miniatura, mostra parte de

placas de aço

Duas placas de aço de 18,6 metros de altura, cada uma pesando 70 toneladas, formam a escultura Echo, concebida pelo escultor norte-americano Richard Serra e instalada de modo permanente no Instituto Moreira Salles (IMS), em São Paulo. A inauguração oficial aconteceu neste sábado, 23 de fevereiro, e a obra está aberta à visitação pública.

Para a instalação da obra em um espaço bastante reduzido (o terreno possui uma área de 120 metros quadrados) e de grande fluxo de veículos e pedestres (o centro cultural está localizado na quadra delimitada pela Avenida Paulista, Rua da Consolação, Rua Bela Cintra e Rua Antonio Carlos), equipes do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) forneceram apoio a uma série de

Exposição Refugiados

Os artistas Dauri Diogo e Gileno Félix com a exposição Refugiados, vem através da arte chamar à atenção para uma tragédia que sempre acompanhou a humanidade e que tem se agravado com o mundo mais globalizado.

Dauri Diogo usa formas geométricas e múltiplas cores em seus trabalhos, há também figuras humanas em posição de reflexão e meditação, e em posição de busca que são marcas registradas do seu trabalho. Faz um neo-geo, cuja placidez a figura se encarrega de romper, seduzindo o expectador para uma arena psicológica carregada de intenções.

Trabalhadora de Cacau
Trabalhadora de Cacau - óleo sobre tela - 100x100 - Dauri Diogo
Infinito
Infinito - óleo sobre tela - 75x75 - Dauri Diogo
Trabalhos de Dauri Diogo

Gileno Félix usa técnica mista com cores intensas e

Obra Mari

O evento terá a presença da cantora Warcela Gader 

No dia 04 de abril, quinta-feira, o Galpão das Artes Urbanas, na Gávea, apresenta a exposição ‘É, Maria, Maria’ sob a curadoria do artista plástico Herik Wooleefer e Ju Yao, com a produção da CAW, e participação de artistas nacionais e estrangeiros. A mostra tem como temática a violência contra a mulher, utilizando sempre variados resíduos como matéria-prima. Durante o evento, haverá apresentação da cantora Warcela Gader com composições de estilos como pop, hip hop e funk carioca e oficina de reuso gratuita para escola. A entrada é gratuita e será realizado na rua Padre Leonel França, s/n°, Gávea – em frente ao Planetário, a partir

MAC-USP

Estão abertas, até 28 de fevereiro de 2019, as inscrições para a seleção de projetos de exposições temporárias a serem realizadas no Museu de Arte Contemporânea (MAC) da Universidade de São Paulo (USP) no período 2019/2020.

Os objetivos do edital são incentivar a pesquisa contemporânea em artes visuais, apresentar trajetórias artísticas e valorizar e promover a arte moderna e contemporânea brasileira e do exterior com a intenção de torná-la acessível ao público. Serão selecionadas propostas de exposições individuais ou coletivas e projetos de curadoria de exposições.

Poderão participar do programa pessoas físicas e jurídicas envolvidas com as artes visuais. As pessoas físicas podem ser indivíduos ou representantes de grupo de artistas maiores de 18 anos.