Tecnologia

Using Open Source to Distribute Big Data from the Large Hadron Collider

Notícia publicada em informe da Linux destaca a participação do SPRACE (https://www.sprace.org.br/) e da Universidade de Michigan no estudo de transmissão dados do LHC sob a liderança do California Institute of Technology, o Caltech.

O Caltech, instituição que lidera o "Times Higher Education World University Rankings" (https://www.timeshighereducation.com), vem sendo parceiro há mais de uma década do SPRACE nas demonstrações da conferência SuperComputing. 

Leia:
"An international team of high energy physicists, computer scientists, and network engineers have been exploring Software-Defined Networking (SDN) as a means of sharing the LHC’s data output quickly and efficiently with the global research community. The project is led by Caltech, *SPRACE Sao Paulo*, and University of Michigan, with teams from

Foto:  Rafael Forte

Buscando soluções para o desafio do abastecimento de água domiciliar nas comunidades rurais do Amazonas, o Instituto Mamirauá desenvolveu, testou e aplicou um sistema eficaz de bombeamento e abastecimento do recurso, movido a energia solar fotovoltaica. Nas comunidades das Reservas de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá e Amanã, no Amazonas, onde foi introduzida, a tecnologia apresentou bons resultados e está pronta para ser reaplicada em outras regiões.

A Amazônia possui a mais extensa rede hidrográfica do mundo, e 63% dessa bacia está situada em território brasileiro. Apesar da abundância de água, grande parte da população da região norte do país ainda não tem acesso à água de qualidade para o consumo. No Amazonas, dos 62 municípios,

Desafio permite aplicação de conceitos básicos da teoria na busca de soluções

Alunos do curso de Engenharia de Materiais e Manufatura da Escola de Engenharia de São Carlos(EESC) da USP foram desafiados a criar um novo conceito de tubo de cola durante a disciplina SEP0451 – Projeto do Trabalho e Ergonomia, ministrada pela professora do Departamento de Engenharia de Produção, Janaina Mascarenhas Hornos da Costa. Essa é a segunda vez que a professora promove a atividade, sendo que no primeiro semestre os estudantes de Engenharia de Produção sugeriram mudanças para um instrumento odontológico.

A disciplina ensina conceitos de ergonomia e projeto do trabalho que podem ser aplicados desde um posto de trabalho até um produto, visando otimizar a interação do ser humano com um sistema qualquer,

Atividades do centro, criado para subsidiar a Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação, foram apresentadas na FAPESP pelo diretor executivo do CGEE, Marcio de Miranda Santos

Representantes do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) apresentaram, na quinta-feira (17/12), na sede da FAPESP, em São Paulo (SP), a dirigentes da Fundação e pesquisadores, ferramentas eletrônicas e métodos para auxiliar especialistas na gestão de atividades de ciência, tecnologia e inovação.

De acordo com Marcio de Miranda Santos, diretor executivo do CGEE, as ferramentas apresentadas foram desenvolvidas no âmbito da missão da entidade, associação privada sem fins lucrativos criada em 2001 para subsidiar a Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) e as decisões de longo prazo dos setores público e privado em temas relacionados.

“O CGEE surgiu com a orientação de criar uma estrutura que permitisse a cada demanda ou

www.ufpe.br

tese de doutorado ‘Caracterização espectral da cultura de cana-de-açúcar utilizando imagens de câmara digital aerotransportada’, de Érika Akemi Saito Moriya, será defendida na Unesp de Presidente Prudente dia 18 de dezembro.

Resumo
O avanço na tecnologia dos sensores de imageamento tem contribuído com o desenvolvimento de várias áreas do conhecimento e dentre estas estão a Fotogrametria e o Sensoriamento Remoto. Pressupõe-se que imagens hiperespectrais obtidas de plataformas aéreas como o VANT e assinaturas espectrais podem ser utilizados em aplicações que envolvam avaliações quantitativas em agricultura de precisão, especificamente na identificação de doenças na lavoura de cana-de-açúcar.

Foi desenvolvida uma metodologia que envolve a realização de experimentos em laboratório com a intenção de obter a

Sistema propõe novo modelo de interação com softwares de ensino de geometria

Para tornar o aprendizado da geometria mais atraente e menos complicado, cientistas do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, desenvolveram um aplicativo que pode ser usado por estudantes de diversos níveis, desde aqueles com idade entre 13 e 14 anos até os que já estão na universidade. O Geotouch, como foi denominado, funciona em dispositivos móveis (smartphones e tablets) por meio de gestos simples, deslizando os dedos na tela do aparelho.

O novo aplicativo foi desenvolvido pela pesquisadora Helena Macedo em sua dissertação de mestrado Concepção de um Software de Geometria Interativa Utilizando Interfaces Gestuais para Dispositivos Móveis apresentada no ICMC, e que teve a orientação do

Filtros podem reduzir “ruídos” na rede elétrica gerando economias entre 5% e 20%

O Laboratório de Física Aplicada e Computacional (Lafac) da Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA) da USP, em Pirassununga, testou a eficiência dos efeitos de um filtro capacitivo que é capaz de reduzir “ruídos” na rede elétrica o que como consequência pode gerar economias da ordem de 5% a 20%. O professor Ernane Xavier, do Lafac, explica que o equipamento foi testado por um período de 30 dias, durante 24 horas ininterruptas, e mostrou eficiência na redução dos ruídos gerados por surtos e artefatos harmônicos presentes na rede elétrica.

Xavier explica que a rede elétrica que fornece energia para industrias e residências deve oscilar a uma frequência de 60 hertz (hz), mas

Simulações permitem entender como as moléculas funcionam, com resolução atômica

Um programa de computador desenvolvido por pesquisadores do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), sediado no Instituto de Matemática e de Computação (ICM) da USP, em São Carlos, e do Centro de Pesquisa em Engenharia e Ciências Computacionais (CCES) — Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepid) sediado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) — criou novas perspectivas para a área das simulações de dinâmica molecular. O Packmol facilita a vida de quem precisa simular o comportamento de moléculas em ambientes complexos.

“As simulações servem para entender como as moléculas funcionam, com resolução atômica. É como se déssemos um zoom em qualquer objeto: vemos todas essas moléculas, átomo por átomo, e entendemos

Foram instalados nove sensores em diferentes pontos de Araraquara

Um projeto de doutorado desenvolvido  no campus de São Carlos da USP promete criar um método que identifique a ocorrência de vazamentos em redes de distribuição de água de forma automática. Maria Mercedes Gamboa é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Hidráulica e Saneamento da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) e vem desenvolvendo e testando o método na rede de distribuição da cidade de Araraquara, abastecida pelo Departamento Autônomo de Água e Esgotos (DAAE). Um vídeo sobre o projeto está disponível neste link.

O estudo faz parte de um convênio da USP com o DAAE. A parceria é coordenada pela professora Luisa Fernanda Ribeiro Reis, do Departamento de Hidráulica e Saneamento

Reciclagem

Um estudo desenvolvido na Faculdade de Engenharia Química (FEQ) da Unicamp apontou a reciclagem mecânica como a alternativa com o menor impacto ambiental para a destinação final do plástico PLA (poli (ácido láctico)) ou (poli (lactídeo)). Além da reciclagem mecânica, foram avaliadas a reciclagem química e a compostagem, o processo mais empregado para o descarte do plástico, por se tratar de um polímero biodegradável, que se degenera através da ação de micro-rganismos naturais como bactérias, fungos e algas.

Graças ao emprego de um aditivo químico, a reciclagem mecânica produziu um material com características viáveis para a reutilização do plástico. Isso também contribuiu para gerar um menor impacto ambiental uma vez que, com parte do

Oxidação do glicerol possibilita obtenção da dihidroxiacetona, de alto valor agregado

Crescimento econômico com redução de emissões de gases. Essa parece a melhor solução para a equação que os países em desenvolvimento, como o Brasil, têm que resolver. Principalmente quando toda a sociedade espera ansiosamente por um pacto global que reduza as emissões de gases do efeito estufa que causa do aquecimento do planeta. E as discussões da vigésima primeira Conferência das Parques das Partes da Convenção-Quadro sobre Mudança do Clima, o COP21, realizada em Paris no final de novembro, mostram o tamanho do problema.

Nessa busca por produzir energia a partir de novas fontes renováveis, pesquisadoras do Laboratório de Eletroquímica e Eletrocatálise, do Departamento de Química, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão