×

Aviso

Please enter your DISQUS subdomain in order to use the 'Disqus Comments (for Joomla)' plugin. If you don't have a DISQUS account, register for one here
mural

Concluída em 24 de outubro, obra foi construída com a participação de alunos, funcionários e professores

Quando idealizou a construção do monumento Tecnologia, Inovação e Arte, no prédio da Engenharia Elétrica da Escola Politécnica da USP, o artista plástico Marcos Andruchak pensou em retribuir todo o conhecimento que adquiriu durante sua formação. ”Voltar à Poli significa agradecer toda a experiência e apoio que recebi quando aqui tive a oportunidade de desenvolver os meus estudos”, diz Andruchak . Com esse sentimento de gratidão do autor, o mural foi finalizado no dia 24 de outubro.

Andruchak conta que foi convidado pelo professor Antônio Zuffo, seu orientador de mestrado, para criar a obra na Escola Politécnica. Segundo o artista, essa manifestação compõe um projeto de arte internacional, que já esteve em países como México e Portugal, de elaboração de mais de uma centena de murais monumentos. Outro ponto destacado foi a participação da comunidade universitária na consolidação do projeto. ”A construção dos grafismos foi colaborativa. Alunos, professores, servidores, todos ajudaram na criação dos elementos. Construí as imagens de acordo com as várias sugestões que recebemos por e-mail”, contou.

estudante ajuda a pintar o mural
“Construção colaborativa”: estudante ajuda a pintar o mural – Foto: Marcos Santos / USP Imagens

Em Tecnologia, Inovação e Arte, o artista procurou dar voz a esses temas, mas abordando-os dentro do universo da engenharia elétrica. ”A obra começa com o raio, símbolo da energia elétrica. Logo na sequência, podemos notar a presença das figuras fundamentais para a distribuição da energia, o circuito impresso e as torres de transmissão”, explica. ”A energia que emana chega nas lâmpadas, porque ela simboliza um elemento que acende com a energia, mas representa, fundamentalmente, a efervescência das ideias”, continuou. Para Andruchak, na Universidade, as ideias surgem a partir da participação dos alunos.

Inspirado na ideia de participação de alunos, o artista desenhou aquilo que chamou de “ratinho”. ”O ‘ratinho’ simboliza o mascote da Poli. Sei, também, que os alunos gostam do Pikachu. Então, desenhei um rabo elétrico, para fazer uma alusão ao personagem. Esse Pikachu passa a ser o de vocês, o que traz o sentimento de pertencimento, de algo único”, acrescenta Andruchak.

Um dos alunos que tiveram participação na pintura do mural é Gabriel Fernandes Rosa, do curso de Engenharia Elétrica da Escola Politécnica. Para ele, uma manifestação cultural dessa natureza é importante para trazer mais cor à Universidade. ”Isso traz mais alegria para o ambiente universitário”, comentou. ”Querendo ou não, dentro da USP, pelo menos os prédios que conheço, são prédios de concreto, não são tão bonitos.” Outro ponto destacado por Gabriel diz respeito à figura do artista. ”A obra é ainda mais relevante se considerarmos que foi idealizada e executada por um ex-aluno da Poli”, opinou.

mural Tecnologia, Inovacao e Arte
O mural Tecnologia, Inovação e Arte foi concebido pelo artista plástico Marcos Andruchak e construído com a participação de alunos, funcionários e professores no prédio do Departamento de Engenharia Elétrica da Escola Politécnica da USP - Foto: Marcos Santos / USP Imagens

Andre Siqueira
Jornal Da USP

Pin It